sexta-feira, janeiro 19, 2007

Universidade é o caralho.

Meu mau (com "u" mesmo) humor voltou.
Espalhafatoso, desregrado. Destituido de pudor e em alguns casos de razão.
Já matei a lógica.
Pau no cú do Aristóteles. Seu silogismo é uma piada sem graça que foi levada a sério demais. Mas muitos gostam dela. Foda-se então. Todos tem o direito ao ópio. E cada um tem o que merece. Mas essa premissa segue princípios lógicos. Então desconsiderem tudo.
Tudo o que eu já escrevi. Tudo o que vou escrever.
Desconsiderem tudo. Tudo mesmo. Fiquem com o que é absurdo.
(interlúdio sem graça: fiquem com Wittgenstein, principalmente quando ele desconsidera todos a fazer filosofia. Esse ramo não leva ninguém a lugar nenhum. Voltando ao texto...)
E se repararem bem, verão que o absurdo é o que move o mundo. (repito: não sigo lógica alguma!!!)
Vejam bem: Lula é presidente, mensaleiros reeleitos, Chinaglia e Rebelo são os mais fortes a serem eleitos, Evo Morales pede menos egóismo.
Lá no fundo da classe o Moleque, filho da Maria, grita: Abre-te Sésamo! E... BUM!
Abre-se um buraco no meio de São Paulo! Viva os medievais! Viva a linguagem de Cabala! E por fim, por falta de pesquisa de minha parte é óbvio, (a desgraça nunca tem fim!) Hugo Chavés meteu um chute no cú de todo mundo, e se consolida como líder da América Latina.
Aliás, Latina porque? Porque latimos ora!
Feito cães sarnentos a procura de comida no lixo. Latimos como desgraçados sem ideologia, sem amparo. Como cães de rua sem dono, que abanam o rabo pro primeiro homem que encontram. Se o fulano tiver um osso na mão então... pode comer até nosso rabo! Pode comer o meu! Sou Latino, tenho que deixar. (Tenho que ser lógico.)
Ou não, diria o Outro, mas este está tão longe que tenho medo de visitá-lo. Deixe-o lá.
Fiquemos por aqui mesmo, no meio da carniça.
Da podridão.
Dos Uspianos que esnobam. Dos professores que não respeitam. Dos políticos que matam. Dos Milicianos que fazem a segurança no Rio.
Eu aqui, sentado no trono de um apartamento com a boca escancarada cheia de dentes, esperando a morte chegar. Mas a senha que eu retirei chega antes dela...
E quando vou lá a situação é sempre a mesma:
RAFFA X UNIVERSIDADE.
Advinha quem ganha?
A canalhice é claro. Uma terceira competidora que não estava na disputa. Existem leis. Elas devem ser respeitadas.
Você paga você estuda.Você não paga, você não estuda.
Olha a lógica chafurdando na própria canalhice de novo.
E tudo que eu preciso é um diploma... sem ele eu não sou nada, é claro. Valho tanto quanto um rolo de papel. Aliás, por falar em rolos de papel eu fico com o higiênico. Sem ele como eu faço pra limpar meu rabo? Jornal não dá... é caro demais, e vem poucas folhas.
Então, meus caros, que no fim são até que baratos demais seguindo a grudenta da lógica...
Esqueçam tudo. E se lembrem do que restar.

11 comentários:

Lucy disse...

Universidade SIM!!!
To revoltada sim!!!! Jenny em 1º né?! TD Bem, td bem!!!

Lucy disse...

Vlw!! XD

Lucy disse...

Uou msm! rs

Jenny disse...

Tentando ater-me ao texto... bom, eu sinto como se tivessem aberto a tampa de um bueiro e todos do Makai estivesse subindo por ele, mergulhados numa gosma negra e venenosa, que vão tomando o nosso sangue, enquanto os larápios roubam nossa carteira. ...

DO disse...

Com diploma ja ta dificil,imagine sem...
Abração!!

Morcego disse...

Salve nobre jedi
Quem disse que a organização social do homem faz algum sentido?
Putz! Pense bem: se estiver pirando, pire seus professores primeiro pois eles merecem! Depois fique com o emprego deles!Eh...Eh...Eh...
E como bom morcego, vejo tudo pela melhor ótica: de cabeça para baixo, lógico!
Uma semana super show, com bons ventos e ótimos vôos.
Um grande e fraterno abraço.

Aline disse...

Quem dera mandar o cursinho pra casa do caralho ... sonho jornalistico então pra puta que pariu...
Quem dera... =/

Jessica disse...

vc diz q nao segue logica nenhuma...
pra mim vc ta fazendo mt sentido...

Carlos disse...

A lógica é simples, você está com eles ou contra eles. O "eles" é um grupinho fechado que toma conta e se dá bem nesse país, os resto é a população em geral que vive como prego (só tomando na cabeça). Abraço.

Gabriel disse...

Mete o pau, Raffa.
Depois te mando aquela música que você pediu do É O TCHAN.

Gabriel disse...

E aquela outra também, do DETONAUTAS ROQUE CLUB.